Número total de visualizações de páginas

segunda-feira, 3 de outubro de 2022

textos de alunos: "Take a minute, take five!"

A rubrica "Take a minute, take five!" voltou. 

Mais um texto, desta vez do aluno Rafael Cunha, 11ºC, que envia uma curiosidade cultural da subcategoria "Did you know? Now you know". 

Uma maravilha da natureza, no deserto de Atacama, Chile.


Flowering Desert

The blooming of the desert is a miracle of nature and the most impressive and beautiful phenomenon to take place in Chile. Hundreds of kilometers of desert, usually only sand and rocks, are transformed into a great carpet of color and life thanks to the kindness of water. The flowering period varies according to the characteristics of the rainfalls, but usually starts at the end of August and may last till November or even December, if these are late.

Watch the vídeo:
https://youtu.be/zm8x8QeT1H8                                                                                                                     Rafael Cunha, 11º C
                                                                                   cortesia do envio de Constância Silva, docente de Inglês e colaboradora do CRESCER
                                                                                                                    

curso “Structured Educational Visit to Schools & Training Seminars"

 Finalmente de partida...



Chegou o dia em que cinco docentes estão de partida para frequentar o curso estruturado “Structured Educational Visit to Schools & Training Seminars in Finland” em Helsínquia. 
Boa partida!                                                        
                                                                   Paula Pacheco Silva e Lizete Pinheiro, docentes responsáveis pela gestão do projeto

ensino superior: 9.500 alunos entraram na 2º fase


Quase metade dos alunos que entraram nesta 2.ª fase ficaram colocados na primeira opção, segundo os dados divulgados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES).
Mais de nove mil estudantes conseguiram colocação na segunda fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior, mas a maioria ficou de fora, revelam os resultados publicados na quinta-feira na página da Direção-Geral do Ensino Superior.
Depois de uma primeira fase em que foram colocados no ensino superior quase 50 mil novos alunos, o Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior (CNAES) recebeu agora mais de 20.660 candidaturas, tendo ficado colocados 9.478 estudantes, ou seja, 46% do total. Ou seja, segundo os dados divulgados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES), 41% dos alunos ficaram colocados na primeira opção. 
Dos quase 21 mil candidatos, a maioria já havia concorrido à primeira fase, mas houve 7.266 que não conseguiram colocação, 2.172 que entraram mas não se matricularam e 6.347 que chegaram mesmo a inscrever-se, contudo, voltaram a tentar a sua sorte para entrar na primeira escolha. Houve ainda 4.874 que concorreram ao CNAES pela primeira vez na segunda fase.
Por outro lado, e apesar de a maioria não ter conseguido lugar em nenhuma das suas opções – 54% dos mais de 21 mil candidatos não ficaram colocados –, sobraram ainda 3.983 das 13.461 vagas. Há 881 cursos em cerca de 1.100 que ficaram totalmente preenchidos.
Medicina foi curso com maior média (acima de 19 valores)
Além disso, se entrar numa universidade ou politécnico foi mais difícil na segunda fase, houve quatro cursos em que conseguir um lugar foi uma tarefa extremamente complicada. Nesses cursos só entraram alunos com uma média superior a 19 valores e a opção em que a nota do último colocado foi mais alta continua a ser Medicina.
Todos são na Universidade do Porto, e a lista é liderada pelo curso de Medicina, da Faculdade de Medicina, em que o último dos dois colocados nesta segunda fase teve uma média de 19,57 valores (na primeira fase, a média do último colocado foi 18,72). Seguem-se os cursos de Engenharia e Gestão Industrial, onde entraram três novos alunos e a média mais baixa é 19,18 valores, Medicina no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, com 19,18 valores, e Arquitetura, em que o segundo colocado tem média de 19 valores.
Segundo contas avançadas pelo Ministério da Educação, no conjunto da 1.ª e 2.ª fases do CNAES deste ano já ingressaram no ensino superior público 51.173 novos estudantes.
Há ainda uma 3.ª fase, que decorre entre 7 e 11 de outubro, também no site da DGES, cabendo a cada instituição decidir, para cada um dos seus cursos, sobre a abertura de novas vagas. @ Sapo 

desporto (?): 174 mortos em confrontos após jogo de futebol na Indonésia

O número de mortos numa debandada no final de um jogo de futebol na Indonésia aumentou para 174, tornando o incidente numa das piores tragédias ocorridas num estádio.
Trata-se de uma das piores tragédias de sempre num estádio de futebol, depois dos 318 mortos em confrontos entre adeptos do Peru e da Argentina no Estádio Nacional de Lima, em 1964.
incidente ocorreu no sábado à noite, Estádio Kanjuruhan, na cidade de Malang, em Java Oriental, após a derrota da equipa da casa, o Arema FC, frente ao Persebaya Surabaya, por 3-2.
Milhares de adeptos claque do Arema, conhecida como "Aremania", reagiram atirando garrafas e outros objetos a jogadores e elementos das equipas. Os adeptos descontentes invadiram o campo e envolveram-se em confrontos, provocando o caos no estádio.
A polícia reagiu e disparou gás lacrimogéneo, inclusive em direção às bancadas do estádio, causando o pânico entre a multidão. Centenas de pessoas correram para uma porta de saída numa tentativa de escapar não só à violência, mas também ao gás lacrimogéneo. Algumas morreram de asfixia, enquanto outras foram espezinhadas até à morte, disseram as autoridades locais.
Os tumultos espalharam-se para fora do estádio, onde dois agentes da polícia foram mortos e pelo menos cinco veículos da polícia foram incendiados.
A federação indonésia anunciou a suspensão do campeonato da primeira divisão por uma semana, e proibiu o Arema FC de jogar no seu estádio jogos até ao fim da temporada. @ Sic notícias

sexta-feira, 30 de setembro de 2022

Mercado do Bolhão renovado reabriu portas à cidade do Porto

 Depois de quatro tentativas, Mercado do Bolhão renovado reabriu portas à cidade do Porto

O Mercado do Bolhão reabriu as portas à cidade do Porto e aos comerciantes que há mais de quatro anos aguardavam por voltar à “casa” que está, depois de quatro tentativas nos últimos 34 anos, por fim, reabilitada. É com o toque do sino, elemento que se preservou durante a reabilitação, que será assinalada, pelas 08:00, a reabertura do mercado, mantendo “viva” a tradição de avisar, todos os dias, o início das atividades. Com 81 bancadas, 38 lojas e 10 restaurantes, o Bolhão acomoda os frescos no piso térreo e os restaurantes no piso superior. 

No exterior, ficarão as lojas e, no interior, haverá ainda espaço para acolher pequenos mercados temporários. O mercado centenário, cujas origens remontam a 1838, está também “mais adequado aos novos tempos”, tendo agora novas ligações à cidade: uma passagem intermédia que liga as ruas Alexandre Braga e Sá da Bandeira, e uma entrada direta a partir da estação do metro do Bolhão.
No sábado, aproveite para uma visita.

artigo de opinião

 Os últimos dados da APAV relativos aos maus tratos sofridos por idosos (ver post prévio) vem mais uma vez evidenciar o desprezo a que muitos são sujeitos no seu percurso final de vida, numa fase em que se encontram mais dependentes e muitas vezes vulneráveis a nível familiar e financeiro. 

Do ponto de vista meramente estatístico, parece haver correlação: considerando que a população envelhecida está a aumentar, os relatos de maus tratos a idosos também crescem, acompanhando a tendência.

Contudo, somos confrontados com dados de idosos abandonados nos hospitais, muitas vezes lá "depositados" por filhos/familiares que deixam contactos errados para não serem responsabilizados. A pior época é sem dúvida a do Natal (imagine-se) e a de férias...  Outros, aguardam vaga por internamento em lares ou unidades de cuidados continuados. Mas esses são os "sortudos": ainda que não sendo a situação ideal, e consumirem recursos médicos e financeiros desnecessários, é-lhes garantido teto, comida e algum conforto humano.

Outros há que, apesar de inseridos em instituições particulares de solidariedade social, sofrem de um desprezo inconcebível e falta de dignidade, vítimas até de ausência/carência de cuidados médicos (caso recente da idosa encontrada coberta de formigas e corpo com diversas úlceras).

Mas, tendo em conta que num terço dos casos (29%, segundo dados da APAV), os idosos sofrem agressões às mãos dos seus próprios filhos, revela muito mais do que um problema social.

Estes casos apenas, ainda que reduzidos no universo de séniores em Portugal (motivo pelo qual foram notícia) deveriam levar-nos a uma reflexão alargada enquanto sociedade. É uma questão de valores, de educação, de Cidadania. Acima de tudo, um crime público.

Uma sociedade que despreza os seus idosos é uma sociedade que evidencia falta de empatia e muita ingratidão. Mas acima de tudo, falta de visão: poucos de nós escaparemos à velhice e iremos colher os frutos do que cultivamos (ou não cultivamos). E aí, pode ser tarde demais...

Linha de Apoio à Vítima 116 006 (dias úteis, das 08h00 às 22h00) número gratuito e confidencial. 

Constância Silva

cerca de 1600 idosos vítimas de violência apoiados pela APAV em 2021

Cerca de 1600 idosos vítimas de crime e violência foram apoiados no ano passado pela Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV), o que corresponde a uma média de quatro pessoas por dia.

Segundo dados divulgados pela APAV, a propósito do Dia Internacional da Pessoa Idosa, que se assinala a 1 de outubro, a APAV revela que a maioria das vítimas é do sexo feminino (75%), com idades entre os 70 e 74 anos e que, em 29% dos casos, a vítima é pai ou mãe do autor do crime. Mais de metade das vítimas (820) estão reformadas.
As áreas de residência das vítimas são, na maioria, as grandes cidades: Lisboa (23,4%), Porto (18,1%). Nos dados revelados nesta quinta-feira, a APAV destaca ainda Faro (12,4%)
Reconhecendo que a violência contra as pessoas idosas constitui “um problema social e de saúde pública”, a APAV sublinha que “o seu eficaz combate pode contribuir para um futuro mais inclusivo, onde todos sejam respeitados ao longo do ciclo de vida, nomeadamente no contexto de um envelhecimento ativo e saudável”.
A APAV presta apoio jurídico, psicológico e social às pessoas idosas e suas famílias, contando com a colaboração de outras instituições, públicas e privadas, e “com os vizinhos e conhecidos das vítimas — cujo papel pode ser muito importante, sobretudo na denúncia das situações de violência”, sublinha.
A associação defende igualmente que estes crimes “não podem ser remetidos ao silêncio” e diz estar disponível através dos seus diferentes serviços, nomeadamente da Linha de Apoio à Vítima 116 006 (dias úteis, das 08:00 às 22:00) número gratuito e confidencial. @ Expresso


idosos esquecidos nos hospitais

 Um retrato social triste!

Dão entrada nos hospitais por questões de saúde, mas acabam internados durante meses sem necessidade. "Vulneráveis" e "sem retaguarda familiar" estes idosos tornam-se um constrangimento para o Serviço Nacional de Saúde e gastam milhões de euros ao Estado. A notícia é avançada na edição deste sábado do Jornal de Notícias, que revela que em Lisboa e no Porto há casos de pessoas internadas há mais de um ano sem qualquer motivo aparente.

A causa para o problema é, ao que tudo indica, a falta de vagas em lares ou unidades de cuidados continuados, uma vez que, na grande maioria dos casos, os idosos não têm condições para voltar a casa.  O problema é transversal de norte a sul do país. Em média, estes utentes ficam 61 dias à espera de respostas, sendo que o caso mais grave foi de um idoso que permaneceu internado 495 dias sem qualquer tipo de quadro clínico que o justificasse.@ Porto Canal

quinta-feira, 29 de setembro de 2022

três alunos de nota 20 explicam receita para o sucesso

Dos mais de 4.000 novos alunos da Universidade do Porto, há sete que entraram com nota máxima.
Adriana, Beatriz e Gonçalo tiveram 20 valores nos exames e de média do secundário.


Nunca a Universidade do Porto teve tantos alunos a ingressarem com a nota máxima. Foram sete e nenhum escolheu Medicina, o curso com a média mais alta do país.
Foco e organização entre os ingredientes da receita para o sucesso.
Veja aqui: SICn

saúde: lavar as mãos é fundamental

Falou-se muito desta necessidade na época da pandemia por COVID-19. Depois, tudo se banalizou. Mas há uma necessidade enorme de não relaxar esse hábito que ajuda a prevenir muitas outras doenças.

O CRESCER recorda, sobretudo aos mais jovens, como devem proceder. Nunca é demais lembrar.



banco de Leite Humano inaugurado no S. João, no Porto, beneficiará toda a região Norte

O Banco de Leite Humano do Norte, inaugurado hoje no Porto, beneficiará toda a região, e começar pelos hospitais de São João e Santo António, avançaram os responsáveis que perspetivam melhorias no futuro dos indicadores de saúde infantil.

“Este é um investimento que vai, sem dúvida alguma, ter impacto em termos de indicadores de saúde perinatal e saúde infantil. E acreditamos que, a longo prazo, surgirão, também, melhores indicadores de saúde de forma geral”, disse a diretora clínica do Centro Hospitalar e Universitário São João (CHUSJ), Maria João Baptista.

Com paralelo, em Portugal, apenas no banco de leite da Maternidade Alfredo da Costa (MAC), de Lisboa, este novo equipamento beneficiará, numa primeira fase, os bebés internados no CHUSJ e do Centro Materno Infantil do Norte (CMIN), equipamento do Centro Hospitalar e Universitário do Porto (CHUP).

“Mas pretende-se que, no futuro, seja utilizado por toda a região Norte”, garantiu Maria João Baptista, enquanto o presidente o CHUP, Paulo Barbosa, realçou “o princípio do trabalho em rede”.

Em causa está o recurso a leite humano doado por mães saudáveis com bebés até seis meses que tenham excedente de leite materno para alimentar bebés prematuros, bem como bebés internados por doenças graves.

O leite é extraído e armazenado em casa e depois recolhido por uma equipa de profissionais que vai ao domicílio esclarecer dúvidas e garantir que este processo é realizado com segurança e higiene.

As mães que manifestem vontade de ser dadoras são submetidas a análises e o leite, depois de recolhido, é conservado em máquinas de frio no CHUSJ e distribuído aos serviços de neonatologia que dele necessitem depois de testado e pasteurizado.

“Este leite humano, apesar de não ser o leite da sua mãe, é um leite que confere imunidade ao bebé, que o protege de problemas gastrointestinais. Os bebés prematuros estão muito sujeitos a ter problemas gastrointestinais muito graves que às vezes implicam até a morte do bebé”, descreveu a médica.

Já, num apelo à dádiva, fazendo até um paralelismo com a dádiva de sangue, o provedor do utente do CHUSJ, Américo Aguiar, elogiou o “gesto nobre” das mães que doam o seu leite para “melhorar a qualidade de vida de bebés que precisam”. @ Sapo

quarta-feira, 28 de setembro de 2022

declaração do sr. Diretor

Em resposta ao lamentável evento ocorrido na escola hoje, divulga-se o comunicado do sr. Diretor do Agrupamento de Escolas de Águas Santas.


 
Hoje, pelas 11 horas, no recreio da Escola Básica e Secundária de Águas Santas ocorreu um lamentável incidente envolvendo dois alunos, um dos quais de maior idade, do qual resultou um ferido que foi transportado pelos Bombeiros ao hospital. Na contenda foi usada uma arma branca.

Face ao ocorrido registou-se a rápida intervenção dos responsáveis da escola, tendo sido prestados os primeiros socorros ao aluno ferido.

A PSP foi chamada ao local tendo tornado conta da ocorrência.

0 agressor foi de imediato suspenso decorrendo agora o respetivo procedimento disciplinar.

0 aluno ferido encontra-se bem.

Informo também que procedi a diligências junto do Comissário da PSP local, tendo em vista um reforço da segurança nas imediações da escola.

Tudo continuará a ser feito para garantir a segurança dos nossos alunos.

Aproveito o ensejo para agradecer a todos aqueles que mobilizaram recursos e vontades na resolução deste incidente, com especial apreço as Assistentes Operacionais, Vigilante, professores e Presidente da Associação de Pais.

Águas Santas, 28 de setembro de 2022

O Diretor  

Semana Europeia do Desporto Escolar

Ontem o nosso Agrupamento participou na comemoração da Semana Europeia do Desporto Escolar. Foi um dia extraordinário, onde os nossos alunos puderam experimentar  a prática de modalidades específicas de Desporto Adaptado (Goalball; Boccia e Polybat)  que são muito exigentes, do ponto de vista físico e psicológico. Foi um dia dedicado à inclusão onde todos participaram de forma entusiástica e em harmonia com os valores desportivos mais nobres. 
Gostaríamos de agradecer à Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência (FPDD) e mais concretamente aos professores: Carlota Cunha, Raúl Cândido e Hugo Silva, pela disponibilidade, profissionalismo e dedicação, que figuram uma referência para todos aqueles que se dedicam à elevação do espírito desportivo. Bem hajam!







cortesia de envio de Daniel Braga, docente coordenador do Desporto Escolar

"Take a Minute, Take Five!"

 O projeto TAKE A MINUTE, TAKE FIVE está de volta!

No seu segundo ano, o projeto visa ser um espaço online de expressão em língua inglesa, feito por e para os alunos do 3º ciclo e secundário, dando assim voz às suas preocupações e visões do mundo.

Utilizando diferentes linguagens, os alunos poderão dar asas à sua criatividade e espírito crítico, exprimindo conhecimentos de várias áreas do saber, despertando a curiosidade e sentido crítico sobre o mundo que os rodeia, exercendo assim o seu direito de participação e Cidadania.

O projeto prevê publicações ideais para pausas de 1 a 5 minutos no seu dia-a-dia, organizadas em 5 categorias:

Speak up your mind

Did you know? Now you know!

The world around us

What do you mean?

Fun corner/Chill out time

Estejam atentos!                                                   

cortesia de envio de Constância Silva, professora coordenadora do projeto

a Itália volta à extrema direita

A extrema-direita conquistou neste domingo a terceira maior economia da União Europeia, com uma vitória histórica do partido de Giorgia Meloni nas eleições legislativas na Itália, país que, pela primeira vez desde 1945, está prestes a ser governado por uma liderança pós-fascista.

"Os italianos enviaram uma mensagem clara a favor de um governo de direita liderado pelos Irmãos de Itália". Já era madrugada desta segunda-feira e Giorgia Meloni reagiu assim aos primeiros resultados saídos das eleições italianas e que apontavam a sua vitória. "Faremos isso por todos" os italianos.
 Devido à pulverização partidária, nenhum partido deverá obter uma maioria suficiente para governar sozinho. A direita e a extrema-direita conseguiram um acordo de coligação que poderá levar Giorgia Meloni ao poder e a tornar-se na primeira primeira-ministra de Itália. Integram a coligação o partido conservador Força Itália, do ex-primeiro-ministro Sílvio Berlusconi, e a Liga, de Matteo Salvini, conhecido pela sua política dura contra a imigração.
As reações sucedem-se a nível nacional e internacional. Mas uma questão parece pairar no ar: qual o impacto para a Itália e a União Europeia? @ DN

Irão: atualização

As autoridades detiveram 739 pessoas no norte do Irão, acusadas de participação nos protestos desencadeados há uma semana devido à morte de uma jovem detida pela Polícia da Moralidade.

O presidente iraniano disse hoje que "uma ação decisiva deve ser tomada contra aqueles que se opõem à segurança e tranquilidade do país". Ebrahim Raisi terá feito esta declaração durante uma conversa telefónica com a família de um elemento das forças de segurança que foi morto à facada durante os protestos que decorrem no país há oito dias, motivados pela morte de Mahsa Amini.
A morte de Mahsa Amini conseguiu galvanizar a empatia de milhares de iranianos, ao contrário de outras ocasiões em que as manifestações ficavam reduzidas ao protesto de grupos sociais normalmente mobilizados por razões económicas. O caso despoletou vários protestos e, de acordo com a televisão estatal iraniana, terão morrido já 35 pessoas desde o início das manifestações, incluindo membros das forças de segurança.@ JN

terça-feira, 27 de setembro de 2022

café melhora níveis de atenção

O médico Nuno Sousa, da Escola de Medicina da Universidade do Minho e coordenador de um estudo científico sobre o consumo de café, fala sobre os benefícios da bebida (Conversas Saúde - Visão Saúde)

O café é a segunda bebida mais consumida em todo o mundo, a seguir à água – acima de dois mil milhões de chávenas por dia, estima-se.
Depois de relegado para aquele canto em que se arrumam os produtos prejudiciais à saúde é agora (graças a variados estudos científicos, uns mais credíveis que outrosuma bebida saudável, desde que o seu consumo seja moderado.
Nuno Sousa, médico neuroradiologista, professor na Escola de Medicina da Universidade do Minho e investigador do Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde (ICVS), é o coordenador de um estudo recente, publicado na revista científica Molecular Psychiatry. Nele demonstrou-se que as pessoas que consomem café registam melhor controlo motor, maiores níveis de atenção, tornando-os mais aptos para as exigências do dia a dia. Certo é que esse hábito pode trazer benefícios para a aprendizagem e a memória.
Utilizando uma ressonância magnética funcional, comparou-se a estrutura e conetividade do cérebro de um grupo de pessoas que consumia café diariamente com as de um grupo de pessoas que não bebiam e descobriu-se que duas regiões e duas redes de conetividade funcional do cérebro de quem tomava habitualmente esta bebida revelavam padrões de ligação diferentes.
Para que os efeitos benéficos relacionados com o foco sejam verificados, Nuno Sousa assegura que basta um café por dia.
Nestas Conversas da VISÃO Saúde falou-se ainda da associação evidente entre a ingestão de café e a melhoria dos sintomas de Parkinson. Assim como se tratou de se desfazer o mito de que a cafeína é viciante. Como este hábito está associado a um momento de conforto, envolve também uma componente de sugestão que acaba por influenciar o que se sente em casos de privação.
Vai um cafezinho? @ Sapo


Dia Mundial do Turismo

Celebra-se hoje, dia 27 de setembro, o Dia Mundial do Turismo!


Este dia visa mostrar a importância do turismo e do seu valor cultural, económico, político e social, através de iniciativas realizadas em vários países do mundo.

A data começou a ser celebrada no ano de 1980, após decisão da Organização Mundial de Turismo (OMT).

Considerado um dos maiores setores económicos do mundo, o turismo assume-se de importância vital para a economia de muitos países, que têm neste setor um elemento essencial para o crescimento e desenvolvimento económico.

"Repensar o Turismo" (Rethinking Tourism) foi o mote lançado pela OMT para este ano. O objetivo é criar um turismo de qualidade, que seja duradouro, para todos e que tenha a capacidade de se adaptar a qualquer situação adversa.
À medida que a recuperação do Turismo está em andamento, temos de colocar as pessoas e o planeta em primeiro lugar.

Repensemos sim o Turismo 🌟  porque estaremos a ajudar uns aos outros❤


Feliz dia Mundial do Turismo 2022 - Happy Tourism Day                              cortesia de Ginette Carvalho, formadora do grupo de Turismo

segunda-feira, 26 de setembro de 2022

sonda colide com asteroide para tentar mudar trajetória e defender Terra de futuras ameaças

Colisão está prevista para as 00h14 da próxima madrugada e poderá ser vista em direto nos canais da NASA.

© NASA/Johns Hopkins APL/Steve Gribben
A sonda da NASA Double Asteroid Redirection Test (DART) vai colidir "intencionalmente", na madrugada de terça-feira, com Dimorphos, a lua de menor dimensão do sistema binário composto também pelo asteroide Didymos. O objetivo é tentar alterar o movimento de asteroides que, no futuro, possam representar uma ameaça para o planeta Terra.
"O asteroide alvo do DART não é uma ameaça para a Terra. Este sistema de asteroides é um campo de testes perfeito para observar se a colisão de uma nave espacial com um asteroide será uma maneira eficaz de mudar o seu curso, caso um asteroide que ameace a Terra seja descoberto no futuro", explica a agência espacial norte-americana.
O alvo da sonda DART nesta missão é o "sistema binário" composto pelo asteroide Didymos, com aproximadamente 780 metros de diâmetro, e Dimorphos, a lua que orbita Didymos, com um tamanho aproximado de 160 metros.
Segundo o Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, a missão é liderada pelo Laboratório de Física Aplicada da Johns Hopkins, em Laurel, Maryland, que, pela primeira vez na História, vai tentar mudar o movimento de um asteroide no espaço. @TSF

hoje olhe para o céu: Júpiter vai estar tão próximo da Terra que até as suas luas serão visíveis

 

Esta segunda-feira, Júpiter, o maior e mais massivo planeta do nosso sistema solar, vai estar o mais perto da Terra dos últimos 59 anos, tão próximo que será possível mesmo ver quatro das suas luas – Io, Europa, Ganímedes e Calisto.
A partir do fim da tarde, Júpitar vai aparecer mais brilhante nos céus, à semelhança da Lua. Será o momento da oposição, ou seja, quando o objeto astronómico e o Sol estão em lados opostos da Terra, e quando o planeta estará o mais próximo da Terra.
Assim, Júpiter vai estar a “apenas” 590 milhões de quilómetros km de distância da Terra, aproximadamente a mesma distância que estava em 1963. No seu ponto mais distante, o planeta está a aproximadamente 965 milhões de quilómetros. “Com uns bons binóculos será possível ver as faixas (pelo menos a faixa central) e três ou quatro dos satélites”, referiu Adam Kobelski, astrofísico da NASA.
Kobelski recomendou um telescópio maior para ver a Grande Mancha Vermelha e as bandas de Júpiter com mais detalhes; um telescópio de 4 polegadas ou maior e alguns filtros na faixa verde a azul aumentariam a visibilidade dessas características.
“As vistas devem ser ótimas por alguns dias antes e depois de 26 de setembro”, explicou Kobelski. “Então, aproveite o bom tempo em ambos os lados desta data para apreciar a vista. Fora da Lua, deve ser um dos (se não o) objetos mais brilhantes no céu noturno.”
Júpiter tem 53 luas nomeadas, mas os cientistas acreditam que já foram detetadas 79 luas. As quatro maiores luas – Io, Europa, Ganimedes e Calisto – são conhecidas como satélites galileanos, em homenagem ao primeiro homem que as observou, em 1610, Galileu Galilei. @ Sapo

Semana Europeia do Desporto na Escola

A Semana Europeia do Desporto é uma iniciativa que teve início em 2015 e que tem como objetivo promover o desporto e a atividade física em toda a Europa através da realização de um conjunto alargado de atividades dirigidas a toda a população, independentemente da idade ou do nível de preparação física.

Neste ano letivo, aderimos novamente a este evento através da dinamização de um conjunto de atividades em parceria com a Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência.  Esta atividade irá decorrer na próxima na próxima 3ª feira, dia 27 de setembro.                                                                 cortesia de envio (texto e imagem) de Daniel Braga, docente de Educação Física

sexta-feira, 23 de setembro de 2022

vamos ao cinema: Sessão no Cinema Venepor


Esta é semana de sessão de Cineclube, mais uma das regulares no bom Cinema Venepor. O filme é uma comédia grega, uma história simples de um grupo de amigos que vai à pesca, que se transforma num jogo complicado quando surgem problemas no iate em que seguem.

Desta vez, e porque filmes no outono nunca são demasiados, haverá lugar para mais algumas novidades. Novos ciclos e sessões especiais serão divulgadas muito em breve. @ Cineclube da Maia

novo ano letivo: uma semana depois há 65 mil alunos com falta de professores


O ano letivo é novo, mas os problemas já não são de agora. As aulas já começaram em todas as escolas no país, mas 65 mil alunos têm falta de pelo menos um professor nos seus horários. A agravar essa escassez, cerca de 5 mil professores estão em falta, seja por estarem abrangidos por regime de mobilidade reduzida, seja por estarem de baixa médica comprovada.
Relata a ‘CNN Portugal’ que é com esse cenário como pano de fundo que o Governo irá reunir com os sindicatos do setor para encontrar soluções para uma nova estrutura de contratação de professores.
O Ministério da Educação está disponível para transferir para as escolas a responsabilidade para contratarem diretamente um terço dos professores de que precisam, mas os representantes não consideram que essa seja a solução um problema que se arrasta há anos.
A falta de professores nas escolas públicas só se poderá solucionar se a tutela “olhar para as necessidades” dessas instituições e “abrir o número necessário de vagas para os quadros para que os professores possam concorrer”.
Mas essa solução não se pode cingir à área da Educação, e as escolas pedem também a intervenção do Ministério das Finanças, para ser possível aumentar os salários dos professores e prestar apoios à estadia e deslocação dos docentes que residem a grandes distâncias dos estabelecimentos onde ensinam. @ Sapo

 

Irão: protestos após morte de Masha Amini

Pelo menos oito pessoas foram mortas na repressão aos protestos que se multiplicam no Irão após a morte de uma mulher detida pela polícia, na semana passada, e as redes sociais foram bloqueadas no país.

As manifestações têm-se espalhado por várias cidades daquela república islâmica desde que foi revelada a morte de Mahsa Amini, de 22 anos. (recorde-se que a mulher foi detida pela polícia por não usar o hijab, tendo falecido sob guarda policial)
As manifestações decorrem nas ruas de 15 cidades iranianas localizadas no noroeste e no sul do país, assim como na capital.
Os manifestantes, em fúria, bloquearam estradas, incendiaram contentores de lixo e veículos da polícia, atiraram pedras contra as forças de segurança e gritaram slogans anti governamentais, segundo a agência de notícias oficial Irna.
A polícia usou gás lacrimogéneo e fez detenções para dispersar a multidão, revelou também a agência.
Homens e mulheres, muitas da quais tiraram o lenço islâmico da cabeça, têm-se juntado em Teerão e outras grandes cidades do país, segundo a mesma fonte.
Não ao lenço, não ao turbante, sim à liberdade e à igualdade”, gritaram os manifestantes num ajuntamento em Teerão, um slogan que foi repetido em manifestações solidárias no estrangeiro, incluindo em Nova Iorque e Istambul. @ Sapo