Número total de visualizações de página

terça-feira, 14 de junho de 2016

não se percam!

É comum ouvir-se dizer que os professores entram em férias quando acabam as aulas. Essa é a visão redutora da tarefa de ser professor, que tanto irrita o professor que ouve e sente como uma injustiça.
Na verdade, terminadas as aulas há toda uma panóplia de afazeres que quase se torna fácil o professor esquecer-se de alguma coisa, particularmente porque os horários são outros e as rotinas se alteram ao segundo. 
Entre mil e um relatórios, arquivos, dossiers, vigilâncias, verificações, reuniões, horários, turmas, preparações do novo ano letivo, a lista não se esgota. 
Por isso, há que fazer listas de afazeres para que nada escape, enquanto vamos ouvindo votos de "boas férias" a soar como impropérios e ainda nos vamos preocupando (tanto!) com os meninos que começam os exames amanhã.

Sem comentários: