Número total de visualizações de página

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

"Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que a fez tão importante"


Acabou o 1º período de aulas. Os alunos descansam em suas casas e aproveitam o bom que esta época oferece em magia, festa e convívio. Os professores analisam e avaliam as atividades letivas para poderem, depois disso, entrar no mesmo registo de festa que cabe a todos. A escola, essa, não pára. De forma frenética, prepara-se sempre para receber. A ceia de hoje será o corolário de tudo isso.

Mas há tempo para tudo. Tem de haver.

E nesta época natalícia,  em que todos renascemos, o CRESCER deseja aos seus leitores que dediquem tempo àqueles que mais amam. Deseja também que não entrem em consumismos desenfreados e que não invistam desnecessariamente em bens supérfluos. Sugere que, a trocarem prendas, pensem nos amigos e nos familiares e produzam uma prenda de acordo com a pessoa de cada um. (Ainda se lembram da felicidade de receberem um tosco boneco ou um desenho feito pelas mãos dos filhos? E da dedicação que colocavam no ato de os fazer? Porque não prolongar essa magia agora em tempos adultos?).

Aproveitem bem a companhia uns dos outros. Sejam felizes juntos. Renasçam. Cantem. Riam. Brindem à vida e à amizade.

Como escreveu Antoine de Saint-Exupéry, no seu livro "O Principezinho": "Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que a fez tão importante."

O CRESCER volta em 2016. Até lá! Sejam felizes.


Sem comentários: