Número total de visualizações de página

terça-feira, 14 de abril de 2015

Portugal entre os quatro países com mais desemprego jovem na OCDE

A taxa de desemprego entre os jovens na OCDE chegou aos 14,3% em Fevereiro, a percentagem mais baixa desde Novembro de 2008. Portugal é um dos quatro países da zona euro com a taxa mais alta.
foto de PAULO PIMENTA
A taxa de desemprego entre os mais jovens (entre os 15 e os 24 anos) nos países da OCDE (Organização de Cooperação e de Desenvolvimento Económico) caiu 2,5 pontos percentuais em fevereiro, face ao mesmo mês do ano passado, chegando aos 14,3%, o valor mais baixo desde novembro de 2008.
A organização, que abrange 34 países de todo o mundo, divulgou nesta segunda-feira os dados globais sobre o desemprego e concluiu que, apesar da descida média, a taxa de desemprego jovem permanece “excepcionalmente elevada” em vários países da zona euro como Portugal (35%), Grécia (51,2%, dados de Dezembro, os últimos disponíveis), Itália (42,6%) e Espanha (50,7%).
Em fevereiro, a taxa de desemprego global caiu 0,1 pontos percentuais, face ao mês homólogo de 2014, para 7%, com uma descida acumulada de 1,1 pontos percentuais desde o pico registado em janeiro de 2013. Entre os países que compõem a OCDE, há 42,9 milhões de pessoas sem trabalho, menos seis milhões do que em janeiro de 2013, indica a organização.
Analisando apenas a taxa de desemprego nos países da zona euro, registou-se uma ligeira descida de 0,1 ponto percentual para 11,3%, 0,8 pontos abaixo do maior pico, alcançado em abril de 2013. Os maiores aumentos foram registados na Finlândia, Portugal e Itália.
Nos Estados Unidos, a taxa de desemprego caiu para 5,5%, a mais baixa desde maio de 2008. No Japão a redução foi de 0,1 pontos percentuais para 3,5%. Ao mesmo tempo, no Canadá aumentou 0,2 pontos para 6,8%. A OCDE indica que dados mais recentes mostram que houve uma estabilização no desemprego nos EUA e Canadá.
Recentemente, o Eurostat deu conta que Portugal registou, em fevereiro, uma taxa de desemprego de 14,1%, acima da média europeia. Também o Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou os números do desemprego em fevereiro, dando conta de um aumento de 0,3 pontos percentuais face a janeiro e um recuo de 0,8 pontos face a fevereiro do ano passado, para 14,1%. A população desempregada em Portugal era de 719 mil pessoas. @ PÚBLICO

1 comentário:

Izazevedo disse...

o anónimo era eu :)