Número total de visualizações de página

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

está a nascer o maior instituto de astronomia de Portugal

Os dois principais centros de ciências do espaço do país fundiram-se para serem mais competitivos a nível internacional.
O Observatório Astronómico de Lisboa é a casa
 do novo instituto na capital
DR
Lisboa e Porto uniram-se na astronomia e os seus dois centros de investigação do Universo e do espaço estão a caminho de se tornarem um só – o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço, que conta neste momento com um total de 90 cientistas, 27 dos quais alunos de doutoramento.
 
As instalações onde fica o Planetário do Porto
é a casa no novo instituto no Norte DR
Anunciada esta quarta-feira em comunicado, a fusão entre o Centro de Astrofísica da Universidade do Porto (CAUP) e o Centro de Astronomia e Astrofísica da Universidade de Lisboa (CAAUL) permite assim a criação do maior instituto de investigação do país nesta área. Mais de dois terços dos cientistas que trabalham em ciências do espaço em Portugal fazem agora parte do novo instituto, como refere o seu site.
 
 
A origem e evolução de estrelas e planetas, as galáxias, a cosmologia, a evolução do Universo e a instrumentação científica estão entre as principais áreas de investigação do novo instituto, que continua a manter os pólos de Lisboa e do Porto.

Sem comentários: