Número total de visualizações de página

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

nave aterra em cometa

http://cdn.cmjornal.xl.pt/2014-10/img_757x426$2014_10_03_13_23_38_408547.jpg

Missão ‘Rosetta’ tem como objetivo saber como se formou a Terra.

É uma das missões espaciais mais importantes da atualidade. Uma sonda da nave Rosetta, da Agência Espacial Europeia (ESA), vai aterrar num cometa. O objetivo é perceber como se formou o nosso planeta e recolher informação que pode ser útil para evitar colisões de asteroides com a Terra. A ideia é recolher amostras físicas e investigar a composição e estrutura do Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, que viaja entre as órbitas da Terra e de Júpiter.
Estes corpos que orbitam no espaço são para os cientistas cápsulas do tempo que podem revelar os segredos da vida do planeta que habitamos. Rui Agostinho, diretor do Observatório Astronómico de Lisboa, salienta que "esta é uma missão altamente tecnológica, que pela primeira vez vai fazer aterrar uma sonda no cometa 67P, que persegue há 10 anos".
Tanto tempo em órbita fez com que a nave tivesse de hibernar durante três anos, por estar demasiado longe do sol, para ter energia suficiente para fazer o seu trabalho. Além da água, os cometas poderão ainda ter sido responsáveis pelo transporte de vida para a Terra, já que têm na sua constituição produtos orgânicos. Tudo isto vai ser analisado à lupa a partir do próximo mês de novembro. @ CM

Sem comentários: