Número total de visualizações de página

segunda-feira, 26 de maio de 2014

o dia seguinte

A direita nacionalista e os eurocéticos venceram as eleições Europeias em França e na Grã-Bretanha e os partidos mais críticos da UE duplicaram o número de lugares no Parlamento Europeu, no que está a ser interpretado como um voto de protesto dos europeus contra a austeridade e o desemprego. O desfecho eleitoral já era antecipado e pode vir a transformar decisivamente a política europeia, e as políticas nacionais dos países onde o fenómeno teve maior expressão.
Conheça os resultados destas eleições nos vários países da UE e compreenda as apreensões @RTP

Sem comentários: