Número total de visualizações de página

sexta-feira, 19 de abril de 2013

LER e VER (a felicidade)

LER

«Ninguém tem pena das pessoas felizes. Os Portugueses adoram ter angústias, inseguranças, dúvidas existenciais dilacerantes, porque é isso que funciona na nossa sociedade. As pessoas com problemas são sempre mais interessantes. Nós, os tontos, não temos interesse nenhum porque somos felizes. Somos felizes, somos tontaços, não podemos ter graça nem salvação. (...) Ser feliz no meio de muita gente i...nfeliz é como ser muito rico no meio de um bairro-de-lata. Só sabe bem a quem for perverso. Infelizmente, a felicidade não é contagiosa. A alegria, sim, e a boa disposição, talvez, mas a felicidade, jamais. Porque a felicidade não pode ser partilhada, não pode ser explicada, não tem propriamente razão. Não se pode rir em Portugal sem que pensem que se está a rir de alguém ou de qualquer coisa. Um sorriso que se sorria a uma pessoa desconhecida, só para desabafar, é imediatamente mal interpretado. Em Portugal, as pessoas felizes sofrem de ser confundidas com as pessoas contentes.»
Miguel Esteves Cardoso
VER

Procure a "Happiness". Veja o trailer que lhe deixamos e, depois, todo o filme.


Votos de bom fim de semana!

Sem comentários: