Número total de visualizações de página

sábado, 29 de setembro de 2012

OUVIR, LER e VER em fim de semana

OUVIR... Fausto 
"Ao longo de um claro rio de água doce"


LER... Rainer Maria Rilke

A solidão é como uma chuva. 
Ergue-se do mar ao encontro das noites;
de planícies distantes e remotas
sobe ao céu, que sempre a guarda.
E do céu tomba sobre a cidade.

Cai como chuva nas horas ambíguas,
quando todas as vielas se voltam para a manhã
e quando os corpos, que nada encontraram,
desiludidos e tristes se separam;
e quando aqueles que se odeiam
têm de dormir juntos na mesma cama:

então, a solidão vai com os rios...


Rainer Maria Rilke, in "O Livro das Imagens" 


VER... "Também a chuva"


Sinopse: Sebastián (Gael García Bernal) é um diretor de cinema cujo objetivo é rodar um filme sobre Cristóvão Colombo, caracterizando o explorador espanhol como fascista, prepotente e sovina. Por outro lado, o produtor do filme (Luis Tosar) está apenas preocupado com que os gastos do filme não ultrapassem nem um centésimo o orçamento. Por isso, decidem filmar na cidade boliviana de Cochamba, mais barata que qualquer outra da América do Sul. Mas no dia em que as câmaras começam a gravar, estoura uma onda de protestos dos moradores de Cochamba, contra a proposta de privatização da água corrente anunciada pelo governo local. 


As sugestões são da Bárbara Teixeira (BT), que já deixou a escola mas continua a ser nossa colaboradora especial (íssima).  

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

entrevista ao diretor (III)


(continuação)
Diretor do Agrupamento de Escolas de Águas Santas
CRESCER: Referiu-se aos Encarregados de Educação (EE). A relação da escola com os EE é deveras importante. Tem sido cordial o relacionamento com a associação de pais?
Sr. Diretor: A relação da escola com a Associação de Pais tem sido muito cordial, baseando-se na colaboração e cooperação. As críticas construtivas que vão surgindo são benéficas porque nos ajudam a melhorar o que estará menos bem. Há que clarificar que não há uma Associação de Pais, há várias Associações de Pais, uma em cada escola do agrupamento. Foi mantida esta prática, pois cada associação tem a sua própria identidade e individualidade. Tem havido uma fidelização dos seus associados, muitos deles antigos estudantes da escola secundária.
 O trabalho realizado em parceria tem sido muito positivo - foram promovidas atividades enriquecedoras, algumas têm até contribuído para a melhoria dos espaços escolares.
Acresce dizer que o seu contributo também tem sido muito importante a nível social, caso da angariação de fundos para a compra de uma cadeira de rodas para um aluno da escola sede e da compra de material didático para as salas de AEL. A solidariedade tem norteado estas associações, o que é de louvar.

CRESCER: Vivemos tempos difíceis. De que forma é que a escola se vem ressentindo da crise económica em que o país está mergulhado?
Sr. Diretor: A crise económica que o país atravessa tem-se refletido no aumento da percentagem de alunos subsidiados - 60% dos nossos alunos são subsidiados. Sabemos que temos alunos que só fazem uma refeição por dia, por isso, nas nossas escolas, os alunos carenciados têm direito ao almoço, mesmo em tempo não letivo.
O Conselho Geral, aquando da definição das linhas orientadoras para elaboração do orçamento, teve em atenção esta situação e recomendou que fossem afetadas verbas para atenuar estas dificuldades dos alunos e das famílias.

CRESCER: A atual Associação de Estudantes tem-se pautado por ter uma atitude assertiva na sua dinâmica. Como vê este movimento associativo estudantil na escola?
Sr. Diretor: Valorizo muito o movimento associativo dos alunos, considero fundamental a sua existência nas escolas. O seu âmbito de intervenção pode ser amplo e benéfico a diversos níveis, como a integração e a gestão de conflitos, para citar apenas alguns. O papel da atual Associação de Estudantes tem sido muito positivo e tem-se pautado por uma postura correta, participativa e colaborativa. O presidente da Associação de Estudantes tem manifestado sempre uma atitude assertiva e de total disponibilidade para colaborar com os órgãos da escola.
 (continua)

"A Ciência por quem a faz e por quem a ensina"



saia um cafezinho, p.f.

???
Oásis ou miragem? 

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

breves e amargas


Ministério da Saúde poderá poupar no tratamento da sida, cancro e outras

O Ministério da Saúde tem luz verde para poupar nas despesas com o tratamento da sida, cancro e doenças reumáticas. Um parecer do Conselho de Etica considera que, em certas circunstâncias, há fundamento para conter custos com medicamentos. Mas a forma como o documento está a ser interpretado levantou criticas da Ordem dos Médicos e da oposição, que quer esclarecimentos do Ministro da Saúde. @ RTP

Desempregadas realizaram mais interrupções legais de gravidez

As mulheres desempregadas são aquelas que, em 2011, realizaram mais abortos legais até às 10 semanas de gestação por opção, representando 19,44 por cento do total de 19.802, revela um relatório da Direção Geral de Saúde (DGS). @ TSF

entrevista ao diretor (II)

(continuação da entrevista)

Dr. Manuel Carneiro Ferreira
Diretor do Agrupamento de Escolas de Águas Santas
CRESCER: E qual é a oferta formativa para o próximo ano letivo?

Sr. Diretor: A oferta formativa mantém-se quase inalterada - os quatro cursos científico-humanísticos e três cursos Profissionais (Gestão, Turismo e Saúde). A proposta de abertura do curso Profissional de Técnico de Informática de Gestão não foi aceite, dado que esta área deixou de ser considerada prioritária.  
Relativamente aos cursos CEF, até ao ano letivo transato oferecemos aos nossos alunos duas opções - Eletricista de instalações e Técnico de Técnicas-Comercias. Recordo que até agora, esta era considerada a solução alternativa para os alunos que, por diversas razões, não seguiram um percurso escolar regular. A frequência de um curso CEF permitia-lhes concluir o 9º ano e obter uma certificação qualificante de nível 2. A partir deste ano, a oferta destes cursos passa a estar mais condicionada, quer a nível das condições de acesso, quer a nível dos estabelecimentos de ensino que os irão administrar. A nossa Escola não foi autorizada a abrir novos cursos CEF, pelo que no ano letivo 2012/2013 apenas funcionará o segundo ano do CEF de Eletricista de Instalações. De referir que, no grande Porto, a tutela apenas autorizou o funcionamento de aproximadamente 60 cursos.
 Apesar de todo o empenho e do trabalho meritório levado a cabo pelo nosso Centro Novas Oportunidades a que aludi, o seu destino próximo é ainda incerto.

CRESCER: Como perspetiva o futuro dos cursos profissionais?
Sr. Diretor: A tendência atual é a de reduzir essa oferta nas escolas secundárias (lembre-se que estes cursos são financiados por verbas comunitárias), sendo intenção superior associar também estes cursos aos Centros de Emprego e Formação Profissional.

CRESCER: No âmbito deste nosso alargamento, tivemos a funcionar na escola uma unidade para meninos “diferentes”, a Unidade de Multideficiência. Como vê a integração destes jovens na escola?
Sr. Diretor: Devo dizer que, ao nível da política e das práticas de inclusão de alunos com necessidades educativas especiais, Portugal é apontado como um exemplo a seguir. Neste âmbito, e por indicação da DREN, o nosso agrupamento já recebeu a visita de um grupo de professores de diversos países europeus e um técnico do Ministério da Educação japonês.   
 Não esqueçamos que o nosso Projeto Educativo também salienta a promoção da aceitação da diferença, a inclusão e o respeito pelos outros. Ao nível da inclusão destes meninos “diferentes” e da aceitação da sua diferença, estamos a cumprir aqueles desígnios. Recordo que o Agrupamento tem duas Unidades de Apoio à Multideficiência - uma no Centro Escolar da Gandra e outra aqui na Escola sede. No ano letivo que agora findou, foi possível a criação desta última para albergar os alunos cuja faixa etária tornava descontextualizada a sua permanência numa escola do 1º ciclo. Ambas as unidades têm funcionado muito bem e os alunos estão bem integrados. Quer as crianças quer os encarregados de educação estão satisfeitos com todos os intervenientes (professores, técnicos e funcionários) e reconhecem os progressos alcançados. Foi uma grande aposta que obrigou à criação de novas condições de trabalho, maior responsabilização e organização, mas o resultado é, de facto, muito positivo. Saliento o trabalho atento e meritório que a equipa da Educação Especial tem vindo a desenvolver no acompanhamento de todos os alunos NEE que frequentam as nossas escolas.
(continua)

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

breves

Função Pública
O Executivo liderado por Pedro Passos Coelho enviou uma proposta aos sindicatos da função pública na qual proíbe qualquer aumento remuneratório no setor.


ADD
Pode conhecer aqui  os percentisantes cotas, para a avaliação de professores.


PM cita "Os Lusíadas"
Passos defende que "há ventos favoráveis a soprar"

entrevista ao diretor (I)

O CRESCER, em julho, fez uma entrevista ao Diretor do nosso agrupamento. Essa entrevista foi publicada no anuário que fizemos sair em início de ano letivo, em suporte papel.
Porque se tratou de uma novidade, não a antecipámos antes. 
Agora, faz sentido disponibilizá-la aqui, para que todos os leitores possam dela ter conhecimento. 
Porque é extensa, publicá-la-emos, a partir de hoje, em várias posts, para facilitar a leitura.
página do mês de julho do nosso anuário/calendário
O CRESCER tem acompanhado a evolução dos tempos e sabe que têm sido muitas as alterações à gestão dos novos espaços educativos. Por isso, o CRESCER foi ouvir o diretor do agrupamento, Dr. Manuel Carneiro Ferreira, para poder saber mais de perto o que lhe vai na alma.


CRESCER: Tendo em conta a sua vasta experiência, como vê o Senhor Diretor a transformação da nossa escola em agrupamento?
Sr. Diretor: Sou a favor da verticalização. Traz vantagens a diversos níveis: facilita a organização escolar, resulta numa melhor articulação curricular e favorece a identificação precoce (logo nos primeiros anos de escolaridade) de situações problemáticas de diversa índole (indisciplina, dificuldades de integração e/ou de aprendizagem…). Por tudo isto, estou convicto que terá implicações importantes na melhoria dos resultados escolares.
 No entanto, a verticalização nada tem a ver com a criação dos mega-agrupamentos que traz consigo dificuldades de monta a nível da gestão e da organização escolar.
Sobre a fusão do prévio agrupamento horizontal com a escola secundária, é inegável que esta veio redimensionar completamente esta instituição e trouxe consigo novos desafios à gestão e organização escolares. Congratulo-me pelo facto de ser coadjuvado por uma equipa competente, eficiente e empenhada. Refiro-me em particular aos meus colaboradores mais diretos (subdiretora, adjuntos, assessores, coordenadoras de estabelecimento), mas também aos coordenadores de departamento, coordenadoras pedagógicas, coordenador do CNO e à diretora do centro de formação maiatrofa. Saliento o papel importante do Conselho Geral e as boas relações institucionais e as parcerias que mantemos com o poder autárquico. A Câmara Municipal da Maia, que tem assumido a educação como uma das suas prioridades, tem provado ser um parceiro de excelência. Saliento a colaboração que temos mantido com a Câmara na figura do Sr. Presidente Bragança Fernandes e com a Junta de Freguesia de Águas Santas na figura do Sr. Presidente Carlos Vieira. De referir ambém a colaboração e o apoio por parte de toda a comunidade educativa.
CRESCER: Como olha para um público tão distinto quanto o atual, composto por alunos do 5º ao 12º ano?
Sr. Diretor: Penso que vivemos um período de adaptação mútua. Os alunos do 2º ciclo são crianças na faixa etária dos 11-12 que têm uma dinâmica própria à qual todos tivemos de nos habituar. Se existiu uma fase de alguma perturbação, acho que já a ultrapassamos. Apesar da resistência inicial, creio que os alunos do ensino secundário se adaptaram bem aos colegas mais novos. Hoje, já se assumem como padrinhos, como protetores! Por outro lado, sinto que os alunos do 1º ciclo estão ansiosos para virem para a “escola-mãe” que eles designam por “escola grande”! Este facto, por si só, constitui um indicador importante de que a dinâmica de agrupamento está a funcionar.

CRESCER: E qual é a sua opinião sobre a oferta da escola, sobre as Novas Oportunidades e sobre os cursos EFA?
Sr. Diretor: A nossa oferta curricular é grande e diversificada - 2º e 3º ciclo do ensino básico (ensino regular e CEFs), ensino secundário (cursos científico-humanísticos e profissionais), Cursos EFA e Novas Oportunidades. Esta oferta pretende ir ao encontro das necessidades e oferecer aos alunos um maior leque de opções. Quanto ao Centro das Novas Oportunidades, devo dizer que está muito bem cotado a nível do concelho da Maia! O reconhecimento pelo excelente trabalho que tem vindo a desenvolver tem permitido a continuidade da sua atividade. Os cursos EFA têm constituído uma boa aposta porque promovem a interação da escola com a comunidade. Como exemplo, refiro o caso das turmas de alfabetização que têm funcionado nas instalações de Associações Socioculturais e Recreativas do meio. Os professores, que se sentem realizados com o trabalho que têm vindo a desenvolver com estas turmas, alimentam expectativas de lhes dar continuidade. Apesar do elevado número de alunos destes grupos, a dedicação e a responsabilidade de todos os intervenientes têm contribuído decisivamente para o seu sucesso educativo. O abandono tem sido mínimo, dado que o agrupamento tem criado condições para que os alunos se sintam bem e tenham sucesso.
(continua)

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Nuno Crato hoje em Ermesinde

O ministro da Educação e Ciência, Nuno Crato, foi, esta terça-feira, vaiado por cerca de três dezenas de pessoas à chegada ao Centro Escolar de Mirante de Sonhos, em Ermesinde, distrito do Porto. @ SICN

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

fim do TSU, início de... mais impostos

(atualizado às 20h 20m) De acordo com Passos Coelho, a disponibilidade do Governo para encontrar uma alternativa às alterações à TSU apresentadas no dia 7 deste mês - um aumento de 11 para 18 por cento nas contribuições dos trabalhadores e uma descida de 23,75 para 18 por cento para as empresas - «foi bem acolhida por todos os parceiros» na reunião da Comissão Permanente da Concertação Social.
O chefe do Governo comprometeu-se ainda a «explorar com os parceiros as medidas que possam apresentar-se como favoráveis ao combate ao desemprego e à melhoria da competitividade das empresas». SICN

(Em atualização) O Governo prepara-se para devolver parte dos subsídios cortados aos funcionários públicos e pensionistas, através do alargamento do corte aos privados, em sede de IRS. Passos Coelho interrompeu reunião com a Concertação Social e diz que "não há qualquer proposta para alteração do IVA". @ JN

um verdadeiro herói

Um porco que vive num jardim zoológico americano tornou-se um verdadeiro herói depois de ter sido filmado a salvar uma cabra bebé de se afogar num lago.
Num vídeo, colocado no Youtube, vê-se o cabrito atrapalhado, a tentar manter a cabeça fora de água, depois de uma das patas ter ficado presa nas rochas do fundo do lago.
Em seguida, vê-se o porco a entrar na água, e empurrar a cabra bebé e a conduzi-la para um local seguro. O vídeo já foi visto por mais de dois milhões de pessoas, segundo o jornal britânico Telegraph. @ JN

domingo, 23 de setembro de 2012

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

nota explicativa



O nosso blogue passou a ser, desde setembro de 2011, o suporte digital do jornal escolar CRESCER.

Ao longo de todo o anterior ano letivo, publicámos diariamente notícias sobre as atividades da nossa escola e sobre questões relacionadas com educação, ensino, cultura, no âmbito nacional e internacional e continuámos a comentar, a desafiar e a provocar opiniões, como já fazíamos anteriormente. 

Prometemos que o CRESCER teria uma publicação em papel, no final do ano letivo – um anuário – com destaque para algumas notícias que no blogue se tivessem publicado. Essa
publicação surgiu em setembro por sugestão do nosso Diretor. Deste modo, pudemos: encerrar o trabalho diário de publicação no final do mês de julho, consagrar um destaque especial à divulgação da oferta formativa da escola e, também, dar as boas vindas aos professores.

Aproveitámos ainda para fazer uma entrevista ao nosso Diretor, só agora publicada, e que constitui a grande novidade do anuário tanto pela pertinência dos assuntos como pela sageza das respostas.

O resto do tempo foi destinado ao arranjo gráfico da obra que têm agora em mãos. Agosto foi o mês da edição.

Em pleno dia de receção, surgiu o CRESCER em formato de anuário/calendário a desejar a todos um bom ano. Assim, podem acompanhar 2012/2013 sem perder de vista o que por aqui aconteceu no passado ano letivo vendo, agora impressos, alguns dos nossos destaques em cada mês folheado.

Acrescentamos que a equipa que alimenta este blogue é constituída pelas professoras Eduarda Ferreira, Kátia Alves e Manuela Couto e, para o anuário, contou com o arranjo gráfico do professor Cândido Pereira.

Estamos muito gratos pela Vossa companhia. Esperamos poder continuar a CRESCER juntos.
 A equipa do CRESCER

PAZ, se faz favor!


pomba da paz, Pablo Picasso
O Dia Internacional da Paz é celebrado anualmente a 21 de Setembro. É um iniciativa a nível mundial estabelecido pelas Nações Unidas em 1981. A primeira celebração da data ocorreu em Setembro de 1982.

Em 2002, a Assembleia Geral das Nações Unidas declarou oficialmente o dia 21 de Setembro como o Dia Internacional da Paz.

A comemoração tem como objetivo levar as pessoas a sensibilizaram-se para a necessidade da paz no mundo e para promoverem atos que tenham como resultado o fim dos conflitos entre povos e a consagração da paz mundial.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

desafio

O que é? Onde é?

O primeiro a responder será premiado com um café no dia da inauguração do novo bar da sala de pausa.

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

TSU!

O Governo e os parceiros sociais remeteram hoje para a próxima segunda-feira uma discussão mais aprofundada sobre medidas alternativas à redução da TSU*, no final de uma reunião da Concertação Social, presidida por Pedro Passos Coelho.

*TSU = Taxa Social Única

troca de manuais

Não é fácil a despesa dos manuais escolares em início de ano letivo. Nunca foi.
Este ano, a Associação de Pais e de Encarregados de Educação da ESAS promove uma troca de manuais que muito orgulha a nossa escola.

O lema é simples:

Doa os manuais (usados e em bom estado) de que já não necessitas e leva os manuais (igualmente usados e em bom estado) que te podem servir para este ano.
 
Falta dizer que isto acontece na "escola grande", num gabinete ao lado do SASE.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

1... 2... 3 COMEÇARAM AS AULAS!

Nada melhor do que começar o ano com o número 3, o número mágico, prestando muita atenção à letra de "Three, the magic number". Esta composição foi criada por Bob Dorough para um programa televisivo infantil e tem sido interpretada, ao longo dos tempos, por variadísimos cantores. Aqui, a interpretação ficou a cargo dos Blind Melon.
Vejam a doçura do vídeo e aprendam com ele.
 
Boas aulas para todos!
Façam o favor de CRESCER connosco.
                

domingo, 16 de setembro de 2012

podem "gostar" dos posts sem escrever texto

O CRESCER acionou uma nova potencialidade do blogger.
Agora, todos poderão mostrar que gostam das publicações sem terem que escrever texto.
Agora, todos podem "gostar" dos nossos posts clicando apenas no botão "reações", colocado no final da publicação. Por cada "reação" surge no final do post mais um "gosto".  
 
Quer o CRESCER favorecer a participação rápida, não quer perder comentadores mais voluntariosos para a escrita.

sábado, 15 de setembro de 2012

no Porto foi assim

foto de Pedro Granadeiro
 
Palavras para quê?

protestos saem hoje à rua

 
Os protestos marcados para este sábado prometem ter uma adesão maior do que a prevista há um mês, quando a convocatória começou a circular no Facebook, sob o lema ‘Que se lixe a troika, queremos as nossas vidas!’. Mais de 50 mil pessoas confirmaram a presença só no protesto de Lisboa. @ SOL

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

hoje, a escola fez sentido...

... porque se encheu de meninos. Vieram todos, dos 5ºs aos 12ºs, para serem recebidos pelos diretores de turma, saberem novidades e conhecerem a "escola grande", como lhe chamam.
alunos de 5º ano encaminhados pela responsável pela receção
E os alunos mais velhos serviram de guias aos mais novos, apadrinharam-nos e mostraram que, um dia, os agora mais pequenos também poderão ser assim.
toca a seguir o "chefe"
Os pais, esses, aguardaram pelos meninos enquanto as senhoras funcionárias cuidavam do sossego dos pavilhões e forneciam informações.
a D. Zulmira indica que ali se encontram as turmas M e L do 5º ano
A ansiedade era grande. Os encarregados de educação aproveitaram para conhecer alguns espaços, tomaram café no bar dos seus meninos e pisaram o chão dos corredores que os pequenotes tanto irão gastar.
os meninos mais novos escutam com atenção as palavras dos colegas
 mais velhos na visita de sightseeing feita à escola
No fim, todos saíram desejosos de regressar na próxima 2ª feira para uma escola a sério, onde pequenos e grandes convivam sadiamente.
Votos de um bom ano para todos!

o CRESCER na plataforma AESCAS

Estamos à distância de um clique. A Informática conseguiu e o CRESCER tem agora o seu logotipo na plataforma AESCAS. Não há, por isso, razão alguma para não nos visitarem diariamente. Os nossos leitores são a razão da nossa existência.

Reparem quão belo é o nosso logotipo! É só clicar :)

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

visita-nos!






 
Visita-nos.
Este é o apelo presente em cada computador da escola. Quando a Informática conseguir, há-de aparecer na página do portal aescas um link com destaque para o CRESCER, de forma a que todos possam aceder diretamente, clicando num botão igual a este.
Enquanto isso não acontece, fica aqui a imagem para se poderem ir familiarizarando com ela.

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

dia de receção aos professores e de anuário/calendário

Hoje, os professores do agrupamento foram oficialmente recebidos, de forma festiva, no auditório da escola sede. Deu-se o toque de chamada e foram muitos os presentes.
Pam pam pam pam!

auditório cheio
A música foi o meio que permitiu a ligação entre os muitos elementos presentes. Todos se revelaram "poliaptos", como tão bem explicou o professor Mário Azevedo, diretor da Escola de Música Orff.
professor Mário Azevedo
Por entre melodias mais ou menos modernas, mais ou menos animadas, a plateia foi conquistada pelos sons da Orquesta Orff e pelas palavras do seu Diretor.

os jovens que nos deram música
E a plateia animou-se tanto que quem ali chegasse não compreenderia esta imagem, pois não?  Nós, sim. 
plateia ao rubro (alguém sabe porquê?) :)
Por voltas das 17h, à saída do espetáculo, e antes do habitual lanche que adocica as bocas e refresca os corações, o CRESCER surgiu em forma de anuário/calendário em papel e surpreendeu todos os presentes com um exemplar de oferta.
responsáveis pelo anuário/calendário na banca do CRESCER
O prometido é devido. Lembram-se que prometeramos o trabalho do ano letivo anterior em papel? Aqui está. Um calendário para 2012/2013 onde podem encontrar em cada mês um conjunto de "posts" publicados no CRESCER no mês correspondente no ano anterior. Daí ser uma anuário/calendário. 
à saída do auditório
E não faltou o lanchinho e o bolo que inaugura o ano letivo. A Direção zela pelos nossos prazeres.
o bolo continua a não respeitar o novo acordo ortográfico
Parabéns a todos! Aos organizadores do evento, aos que participaram, aos que proporcionaram que acontecesse!
Votos de um bom ano letivo para todos!

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

de 10 a 14

Dia 10 - Reuniões de diretores de turma

Dia 11 - Conselhos de turma

Dia 12 - Receção aos professores
            - Conselhos de turma

Dia 13 - Assembleias de Departamento
            - Reuniões de grupos disciplinares

Dia 14 - Receção aos alunos feita pelos DTs

Dia 17 - Início das aulas

mais com menos

Ah! Bem temíamos o resultado da operação mais com menos! O Antero explica-a na perfeição.

sábado, 8 de setembro de 2012

concurso nacional de acesso ao ensino superior: 1.ª FASE


Acesso ao ensino superior - concurso nacional de acesso ao ensino superior
 
Procura a tua colocação. Já podes.

CONSULTA DOS RESULTADOS: 1.ª FASE em http://www.dges.mctes.pt/

fez-se ENCONTRO entre quem faz CiÊNCIA



O CRESCER fará reportagem alargada com a colaboração dos organizadores do evento. Entretanto, ficam alguns registos de imagem.

os alunos de Turismo fizeram as honras da casa
as palestras sucederam-se
foi necessário adicionar lugares à bancada do auditório
apesar do imenso calor que se fez sentir, o auditório encheu

 

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Passos baixa salários a todos os trabalhadores

Passos Coelho comunicou ao país, esta sexta-feira, que os funcionários públicos verão um dos subsídios reposto e diluído nos ordenados dos 12 meses do ano e o outro continuará suspenso. Mas o subsídio reposto acaba por ser retirado através do aumento da taxa de contribuição para a Segurança Social de 11 para 18%, o equivalente a um subsídio. @ JN

'Redução de professores é inevitável nos próximos anos'

O ano letivo arranca segunda-feira e mais de 40 mil docentes ficaram sem lugar nas escolas. O ministro assume que há poucas esperanças para quem quer seguir a profissão: «O número de alunos caiu 14%», explica Nuno Crato. @ SOL

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

começar de novo...


... mas muito devagarinho para não magoar ninguém.
É que custa sempre voltar a casa, olhar à volta e registar as mudanças.