Número total de visualizações de página

sexta-feira, 16 de março de 2012

Nuno Sousa vence 1ª edição do Prémio Janssen Neurociências

Equipa liderada pelo investigador descobre efeitos do stress pré-natal na vida adulta

foto D.R.
Nuno Sousa, investigador da Universidade do Minho, recebeu o Prémio Janssen Neurociências no valor de 50 mil euros. O trabalho científico distinguido incide nos efeitos do stress, em fases precoces do desenvolvimento, durante a gravidez.

O investigador e a sua equipa descobriram que a exposição ao stress durante a gravidez aumenta a vulnerabilidade para comportamentos aditivos e de toxicodependência nos filhos durante a idade adulta.
“Em gravidezes datadas em ratos administrámos um glucocorticoide sintético, uma hormona libertada em resposta ao stress, e estudámos o impacto que isto tinha enquanto patologia quando os animais eram adultos”, explica.
A cerimónia de entrega do Prémio Janssen Neurociências realizou-se anteontem, às 18h30, em Lisboa, no Centro Cultural de Belém. Com o financiamento no valor de 50 mil euros, Nuno Sousa e sua equipa pretendem “criar condições para que mais investigadores possam continuar a seguir os estudos com vista num conhecimento que um dia possa ter aplicabilidade nos doentes”. @ Ciência Hoje

1 comentário:

Iza disse...

Um orgulho para os nossos estudantes, professores e investigadores. Afinal, Portugal tem gente de muita qualidade. Precisamos dessa qualidade na política, nos gestores, nos economistas...falam falam e é o que se vê....